O crente obedece a Cristo por amor

Por domingo, 27 novembro, 2011

Nós militamos numa Obra que o Senhor levantou nesse tempo do fim. Diferente porque tem compromisso com o Senhor. Ele deixou doutrinas e mandamentos para os seus servos. E há uma importância enorme de nos voltarmos para as páginas das Escrituras. Obediência é uma palavra que abrange toda a nossa vida. Aquele que foi chamado para a Obra do Senhor obedece-O por amor.

Numa das epístolas de Paulo está escrito: – Quem irá nos separar do Amor de Deus? Serão as pessoas? As coisas corruptíveis deste mundo? Os prazeres carnais? Quem nos impedirá de obedecer ao Senhor? O Senhor falou: Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, esse verdadeiramente me ama. O que adianta ter os mandamentos do Altíssimo e não os guardar? “Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus” (Mt 7:21).

Muitos nestes dias amam mais ao próximo do que ao Senhor. Será que a Palavra de Deus respalda esse tipo de comportamento? O crente só vai estar agradando ao Senhor se estiver com o coração na Sua Palavra. Todo aquele que ama ao Senhor ama ao seu próximo, mas amar somente ao próximo não significa amar ao Senhor. Deus falou por intermédio de Salomão: O filho que atenta para a Palavra do Senhor prolonga os seus dias na terra. Qual o fruto que a obediência ao Senhor pode trazer a cada um de nós? Por que nós devemos obedecer ao Senhor? Porque Ele morreu na cruz por nós, nos deu o direito de servirmos a Ele, nos tirou das trevas e nos trouxe para a Sua maravilhosa Luz. “Porém, respondendo Pedro e os apóstolos, disseram: Mais importa obedecer a Deus do que aos homens” (At 5:29).

O verdadeiro crente obedece a Cristo voluntariamente. Ele é grato ao Senhor pelo que lhe deu gratuitamente. “Aquele, porém, que atenta bem para a lei perfeita da liberdade, e nisso persevera, não sendo ouvinte esquecido, mas fazedor da obra, este tal será bem-aventurado no seu feito” (Tg 1:25). “Jesus respondeu, e disse-lhe: Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada” (Jo 14:23).

O apóstolo Pedro foi provado quanto ao seu amor por Cristo. E, hoje, quem testifica se amamos ao Senhor e guardamos a Sua Palavra? O Espírito Santo e a Sua Palavra.

avatar

Bruno de Farias Fuly

Diretor Presidente do Jornal da Obra; Professor de Matemática pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro.
“Firme está o meu coração, oh! Deus!”

Enviar para um amigo





Enviar para um amigo